Untitled Document

DIA DOS PAIS 2019
Para glória do Grande Arquiteto do Universo

Grandes Homens não morrem, vão passear no céu’ (título do meu livro de 17 de outubro de 2002, em homenagem ao meu inesquecível pai, Antonio da Silva Rocha, a quatro mãos com meu dileto amigo Jornalista Mhario Lincoln). O Dia dos Pais neste ano de 2019 é 11 de agosto, segundo domingo do mês.

“Sempre me esforcei para que os agricultores tivessem terras para produzir alimentos, pois economia no comer é a mãe da tuberculose” (Antonio da Silva Rocha, Prefeito de Santo Antônio dos Lopes – MA).

“Um livro aberto é um cérebro que fala; fechado um amigo que espera; esquecido uma alma que perdoa; destruído um coração que chora” (autor desconhecido).


O saudoso pai acima mencionado, meu pai, (na foto ao lado meus pais dançam a valsa sobre os seus 50 anos de casados) nasceu em Picos – Piauí no dia 17 de outubro de 1906 e faleceu em São Luís do Maranhão no dia 10 de outubro de 2001, vindo de Picos, fixou residência no lugar Santa Cruz, no Município de Pedreiras – Maranhão, onde adquiriu terras e nelas construiu sua Fazenda Santa Cruz e casou-se com minha mãe, a também saudosa Luiza Pereira Rocha, nascida em 10 de agosto de 1913 no lugar Olho d’Água Grande, no interior de Pedreiras - MA e falecida igualmente em São Luís do Maranhão em 09 de maio de 1988.

Esse inesquecível casal teve 20 filhos, todos nascidos na supracitada Fazenda Santa Cruz, dos quais criou 08 do sexo masculino e 08 do feminino. Dos 16 filhos acima referidos quinze ainda estão vivos, graças ao Grande Arquiteto do Universo, visto que Olinda Rocha Alencar faleceu depois de adulta, ou seja, Salomão Pereira Rocha, Valdemir Pereira Rocha, Judite Rocha de Sousa, Maria Pereira Rocha (LILI), Zuleide Pereira Rocha Lopes, Osvaldo Pereira Rocha, João Pereira Rocha, Alzira Pereira Rocha Carvalho, Neusa Pereira Rocha, Antonio da Silva Rocha Filho, Osmar Pereira Rocha, Antenor Pereira Rocha, Enoe Rocha Moraes, Luiza Rocha Pinheiro e Jurandí Pereira Rocha.

Todos os homens são pais, alguns avós e até bisavós, como é o caso deste articulista que em 20 de março de 2019 celebrou seus 80 anos de feliz existência, graças ao Grande Arquiteto do Universo. Com sadio e justificado orgulho na minha casa existem nada mais, nada menos do que quatro com o nome Osvaldo, isto é, Osvaldo Pereira Rocha, Osvaldo Pereira Rocha Filho, Osvaldo Pereira Rocha Neto e Osvaldo Pereira Rocha Filho Segundo.

Algumas frases do meu inesquecível pai: o homem com medo não vive; economia no vestir e no lazer é a mãe da prosperidade, mas na comida é a mãe da tuberculose; mulher bonita não precisa passar sumo de mata pasto no rosto (ruge batom, etc.).

As pessoas costumam dizer que “meu pai é o melhor pai do mundo” e que “minha mãe é a melhor mãe do mundo”. Haja vista o exemplo de vida trabalhadora e honesta deixado pelo meu querido Pai e de querida mãe devotada e carinhosa, não é exagero algum dizer que ele e ela foram o melhor pai e a melhor mãe existentes na face da terra ao seu tempo.

Feliz Dia dos Pais, dos avós e dos bisa vós!

Que o Grande Arquiteto do Universo continue nos abençoando!

*Colaborador, registro DRT/MA nº 52. Cidadão natural de Pedreiras – MA e honorário de São Luís do Maranhão. Site www.osvaldopereirarocha.com.br

Clik no link do menu ao lado para ver as fotos relacionadas a este aos outros temas

"No existe caminho para a paz. A paz o caminho"